Dynamic Variation:
Book
Choose Language
Search & Book
Search
or search all of Norway
Barcode, Oslo Barcode, Oslo Barcode, Norway
Barcode, Oslo Barcode, Norway
Credits
Barcode, Oslo.
Photo: Jørn Eriksson/Flickr (CC BY 2.0)
Campaign
Partner
Media
Meetings
Travel Trade
Ad

Inovação arquitetônica

A área central de Oslo, à beira-mar, ganhou nova vida e hoje é um bairro que mistura museus, restaurantes e o que há de mais chique.

Museu de Arte Moderna Astrup Fearnley – Ilha da Arte

O jornal New York Times descreveu Oslo como "pronta para brilhar" incluindo a cidade na lista de melhores lugares do mundo para visitar em 2013. Por que? Em parte pela contribuição da ilha de Tjuvholmen e do espetacular e novo Museu Astrup Fearnley. Aberto em setembro de 2012, o edifício mereceu numerosos elogios:

“O que foi uma área industrial suja, de onde ninguém se aproximava, a ilha de Tjuvholmen em Oslo converteu-se no destino ideal para uma escapada cultural" Financial Times, abril de 2013

A célebre galeria de arte contemporânea foi transferida desde Kvadraturen em 2012 para sua nova casa em um edifícil desenhado por Renzo Piano, de 7.000 metros quadrados e um custo de 700 milhões de coroas, em Tjuvholmen ou a "Ilha do Ladrão", próxima a Aker Brygge. Desenhado como espaço público e museu, a estrutura em forma de navio consiste na realidade em três pavilhões através de de um estreito canal de água sob um único teto de vidro em forma de vela. O desenho permite que grande parte do interior do espaço suspenso seja iluminada por luz natural.

A fusão de materiais como vidro, aço e madeira enfatizam a simplicidade e o essencialismo próprios dos princípios de design noruegueses. Exposições temporárias, bem oficinas de arte para crianças são oferecidas durante todo o ano.

“... uma das coleções privadas mais importantes de arte moderna e contemporânea” The Independent, outubro 2012

Obras assinadas por Jeff Koons, Takashi Murakami, Damien HirstCindy Sherman, Richard Prince, entre outros, encontram-se em exibição em Astrup Fearnley. O bairro onde estão situados os museus concentra galerias de arte, comércio e edifícios residenciais. O vizinho ao lado é um hotel também comprometido com arte contemporânea, The Thief (O Ladrão).

OsloFoto: CH/Visitnorway.com

Arte e cultura no píer

A área de Bjørvika compreende os arredores do píer e as proximidades da Ópera e Ballet da Noruega. O que outrora foi uma zona industrial ocupada por linhas de trem, contêineres e uma estrada movimentada está sendo convertida em um enorme espaço para pedestres, destinado a tornar-se o centro cultural de Oslo. A inclinação do telhado da Ópera tornou-se um ponto de encontro atrativo e popular entre os visitantes que experimentam a sensação de estar em uma praia de mármore branco cercada pelo fiorde de Oslo.

Bjørvika vem se desenvolvendo rapidamente e o projeto completo tem previsão de conclusão em 2025 e incluirá apartamentos, escritórios além de vários parques urbanos.

Enquanto isso, visite um projeto de um horto urbano que inclui an 100 lotes para jardineiros de Oslo, chamado "A Glória" Criado em abril de 2012, integra uma das sete áreas verdes públicas em um terreno de 5.000 metros quadrados de "construções em terreno de pedra" próximo às torres gigantes de refrigeração em Bjørvika.

Edifícios código de barras – Modernidade corporativa

O desenvolvimento urbano contemporâneo não está limitado a Bjørvika. A vanguarda da arquitetura se concentra nos "edifícios código de barras", localizados no portão Dronning Eufemias, próximo ao terminal ferroviário central de cargas.

Os 22 andaresdas estrututras em preto-e-branco são divididos por um espaço de 12 metros. Cada prédio corporativo exibe uma aparência distinta nas figuras, o que deu origem ao nome 'Barcode' ou código de barras. Entre as áreas no térreo existem passagens públicas cobertas e esculturas encontram-se em exibição nas áreas abertas.

Como arte moderna, os edifícios código de barras dividem opiniões. O impacto visual dos prédios varia de acordo com o ponto de vista do espectador e o horário do dia, portanto vale experimentar diferentes pontos com boa visibilidade – a estação ferroviária,Bjørvika, Sørenga.

Novos estilos de vida no píer

A península de Sørenga é parte da área do porto e encontra-se dentro da área de desenvolvimento de Bjørvika. Trata-se de um novo bairro central completo com parques e um píer flutuante no fiorde de Oslo. Concebido com o fim de aproveitar ao máximo o fiorde, é o primeiro centro de natação em águas marinhas da Noruegae será incorporado à promenade de Sørenga.

Mathallen – um centro de culinária norueguesa

Na margem do rio Akerselva, antes tomada por indústrias, surgiu um dos mais interessantes projetos de desenvolvimento da região chamada de Vulkan, o Mathalle. Nele, comunidade e cultura se unem através da comida.

O Mathallen é um grande mercado em estilo europeu, com restaurantes, cafés, hortifrútis, bares, padarias e peixarias. Produtores noruegueses de carnes, queijos, frutos do mar e muitos outros alimentos e bebidas deliciosas disponibilizam seus produtos no mercado para agradar seu paladar com todas as opções de comida deliciosas que a Noruega tem a oferecer.

Do Mathallen, é possível atravessar a ponte sobre o rio Akerselva e visitar o Smelteverket, um bar com o balcão mais longo do país e vinte janelas voltadas para o rio. O rico cardápio de cozinha fusion do Smelteverket oferece uma variedade fascinante de tapas. A carta de cervejas, que varia de acordo com a época, é repleta de produtos artesanais de todo o mundo.

O Parque de Esculturas Ekebergparken

Situado nas proximidades do restaurante Ekebergrestauranten, este parque oferece uma oportunidade imperdível de relaxar e aproveitar a paz e a tranquilidade enquanto absorve-se cultura e saboreia-se uma boa refeição.

O Parque de Esculturas Ekebergparken Sculpture Park conta com uma área total de 63 acres de área verde em que estão dispostas esculturas de artistas de renome internacional e está localizado a sudoeste do centro de Oslo, em uma colina com privilegiado panorama da cidade.

Mais arte e cultura em Oslo

Oslo tem muito a oferecer, por isso não deixe de acessar os links abaixo para descobrir mais atrações da cidade. Mais informações turísticas podem ser obtidas no site oficial de Oslo.

×
Your Recently Viewed Pages
Ad
Ad
Ad